Uma Viagem pelo Brasil na Web

Brasil, 21 de Julho de 2019

Bandeira do Amapá
Bandeira do Amapá

» Home
» Brasil
» Regiões
» Estados
  :: Macapá
    .: Arquitetura
    .: Como Chegar
    .: Cultura
    .: Dados Gerais
    .: Distritos Turisticos
    .: Eventos
    .: Hidrografia
    .: História
    .: Infra-Estrutura
    .: Litoral
    .: Parques
    .: Relevo
    .: Sites Municipais
    .: Álbum de Fotos

 
» Municípios


Macapá - AP

Arquitetura
Fortes | Construções | Praças | Monumentos | Templos

Fortes:

Forte de São José de Macapá:
Construção de 1764, inaugurada em 1782, com o objetivo de garantir a posse da terra para os portugueses. Abriga uma capela, paiol de pólvora, hospital, praça de armas, a cadeia, armazéns,  casas de soldados e oficiais, 54 canhões de ferro fundido e as torres de vigia. Sua arquitetura demonstra uma forte influência francesa. Encontra-se a 18 m acima do nível das águas do Rio Amazonas e é a maior fortificação construída pelos portugueses no Brasil. Em estilo Vauban, tem o formato de uma estrela. Abrigou a Imprensa Oficial; o Exército, representado no Pelotão do 26º BC - Tiro de Guerra 130; o Museu Territorial e serviu de prisão para intelectuais, trabalhadores, lideranças sindicais, como presos políticos. Atualmente abriga uma instituição museológica. Tombada pelo Patrimônio Histórico em 1950.
Localização: Av. Candido Mendes, s/nº - Tel: 212-5118.
Funcionamento: Visitas Monitoradas de 3ª a 6ª feira das 16:00h às 19:00h e sábado e domingo das 8:30h às 12:00h.  

Construções:

Trapiche Eliézer Levy:
Inaugurado em 1934, tinha como objetivo atender à necessidade de um local para atracação das embarcações que traziam mercadorias à Cidade de Macapá. Totalmente restaurado, abriga uma plataforma de 373 m. Avança 500 m sobre o Rio Amazonas. Possui estação de passageiros, bondinho e restaurante.

Prédio da Intendência:
Construção de 1895, em estilo neoclássico, para servir à Administração. Foi reformado em 1932 e abrigou a Prefeitura Municipal de Macapá. Hoje é o Museu Histórico.
Localização: Rua Mário Cruz,17, esquina com a Rua Independência.

Estádio Zerão:
Construção de 1990, feita no local onde passa a linha imaginária do Equador, tem metade do campo no Hemisfério Norte e a outra metade no Sul. É um dos três únicos estádios no meio do mundo, com uma capacidade aproximada de 10 mil espectadores.
Localização: Rodovia Juscelino Kubischeck, km 2. 

Vila do Curiaú:
Originada de um quilombo, guarda vários aspectos do passado. Suas construções são rústicas. É banhada pelo Rio Curiaú. Residem atualmente na área cerca de 1.500 pessoas divididas em quatro comunidades - Curiaú de dentro, Curiaú de Fora, Casa Grande e Curralinho. É palco de diversas festas que preservam a herança afro profana - como o batuque e o marabaixo - e religiosa como as ladainhas em latim, a procissão e a folia, com destaque para a tradicional festa de São Joaquim, padroeiro do Curiaú. Foi transformada em Área de Proteção Ambiental.

Sambódromo:
Inaugurado em 1998, é um Centro de Cultura e Lazer, pois durante o período escolar funciona como núcleo educacional e em outros períodos serve de palco para a apresentação de festas populares como o Marabaixo, Batuque, Boi-Bumbá, quadrilhas juninas e desfiles cívicos.

Praças:

Praça Barão do Rio Branco:
Inaugurada em 1950, presta uma homenagem ao Barão do Rio Branco, defensor das fronteiras do Amapá. É bastante arborizada, utilizada para o lazer.
Localização: Av. FAB, entre as Ruas São José, Cândido Mendes e Coriolano Jucá.

Praça São Sebastião:
Representa o ponto de partida da Cidade. Nela foram celebradas as primeiras cerimônias oficiais da Vila de São Sebastião José de Macapá e o lançamento da pedra fundamental da Igreja de São José de Macapá. É conhecida hoje como Praça Veiga Cabral. 
Localização: Em frente da Igreja de São José.

Praça Abdallah Houat:
Possui área de lazer, música ao vivo e quiosques com pratos típicos da região.
Localização: Complexo Beira Rio, a poucos metros do Rio Amazonas.  

Monumentos:

Marco Zero do Equador:
Obelisco com o relógio do sol e um amplo terraço para observações. Marca a passagem da linha do Equador sobre a Cidade. Ótimo lugar para presenciar o equinócio. É um complexo turístico com restaurante, boate e parque infantil, aberto todos os dias.
Localização: A 2 km do Centro e pode ser alcançado pela Rodovia Juscelino Kubitscheck.

Templos:

Igreja de São José de Macapá:
Construção de 1761, é o monumento mais antigo da Cidade. É um exemplo do estilo de arquitetura que os jesuítas trouxeram da Europa, o inaciano, e em seu interior, todo pintado em branco, encontram-se  inscrições das lápides mortuárias espalhadas nos corredores. Atualmente é a Catedral da Diocese. Sofreu várias reformas ao longo do tempo mas mantém suas características originais até hoje. Nela, se realiza a maior festa religiosa da Cidade.

Paróquia de Nossa Senhora da Conceição: 
Construção de 1883, foi a terceira do Estado. 
Localização: Distrito de Bailique.  

Igreja de Jesus de Nazaré:

Igreja de Nossa Senhora de Fátima:






® Copyright 2000-2017 - Brasil Channel - todos os direitos reservados por lei,  proibida a reprodução total ou parcial deste site.
LEI Nº 9.610/98 - DIREITOS AUTORAIS, LEI Nº 9.609/98 PROTEÇÃO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL e LEI No 10.695 - Código de Processo Penal