Uma Viagem pelo Brasil na Web

Brasil, 26 de Novembro de 2014
Busca no Site:
Busca por município:

Bandeira do Rio de Janeiro
Bandeira do Rio de Janeiro

» Home
» Brasil
» Regiões
» Estados
» Capitais
  :: Valença - RJ
    .: Dados Gerais
    .: História
    .: Informações
    .: Lazer
    .: Turismo Cultural
    .: Sites Municipais
    .: Álbum de Fotos

 
» Álbum de Fotos
» Notícias
» Comentários
» CEP
» Fale Conosco
» Favoritos
» Quem Somos


Valença - RJ

Turismo Cultural
Arquitetura | Templos | Praças | Museus | Centros Culturais | Faculdades | Bibliotecas | Fazendas

Arquitetura:

Chafariz: 
Construção de 1850, feita em cantaria, para comemorar o aniversário do Imperador D. Pedro II. Seu acesso é feito por duas pontes em pedras. Atualmente encontra-se desativado. 
Localização: Jardim de Baixo / Praça XV de Novembro, Centro.

Divã de Pedra:
Construção de 1851, em forma de divã, feito em cantaria de granito. 
Localização: Jardim de Baixo / Praça XV de Novembro, Centro, em frente ao Chafariz.

Coreto da Praça Visconde do Rio Preto:
Construção de 1916, em estilo art-noveau, feito em ferro fundido. Atualmente é usado para a apresentação de bandas de músicas e serestas.
Localização: Praça Visconde do Rio Preto, Centro.

Casa do Bispo / Residência Episcopal:
Construção do século XIX, em estilo neoclássico. Atualmente apresenta aspectos ecléticos. Desde 1925 serve de sede do bispado.
Localização: Praça Visconde do Rio Preto, 375, Jardim de Cima, Centro.

Escola Normal: 
Construção de 1939, em estilo eclético. 
Localização: Próximo à rua Visconde de Ipiabas.

Padaria Pentagna: 
Construção de 1912, é a mais antiga padaria da Cidade.

Cine-Glória: 
Construção de 1908, nela foi pela primeira vez projetado um filme na Cidade. Por volta de 1911, passou a ser denominado Cine Pathé e, em 1938, a Cine-Teatro Glória. Atualmente possui capacidade para 270 pessoas.

Casa Léa Pentagna / Casarão do Alto do Barcellos:
Construção do séc. XIX, em estilo eclético, feita em pedra. Em torno da casa a presença dos jardins, tradicionais na Belle Epóque, e seu interior mantém as estruturas originais das casas neoclássicas. Possui mobiliário em diversos estilos e obras do pintor espanhol Thimotheo Perez Rubio. Pertence à Fundação Cultural e Filantrópica Léa Pentagna.

Localização: Rua Vito Pentagna,  213, Bairro do Benfica, antigo Alto do Barcelos - Tel: 2453-4178.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira das 14:00h às 17:00h e sáb., dom. e feriados das 9:30h às 12:30h e das 14:00h às 17:00h.    

Prédio da Antiga Santa Casa da Misericórdia: 
Construção de 1857, abriga, ao centro, uma capela. Serviu de hospital até 1968, quando foi construído outro anexo, e passou a abrigar a faculdade de Medicina, até 1980. Em 1997, foi transformado em museu. 
Localização: Rua Coronel Leite Pinto, 105, Centro.

Estação Rodoviária Princesa da Serra:
Construção de 1914, era a antiga Estação Ferroviária da Central do Brasil. Foi adaptada para estação rodoviária em 1974. 
Localização: Praça Paulo de Frontin, 137, Centro.

Busto do Comendador Antônio Jannuzzi: 
Construção de 1915. 
Localização: Praça XV de Novembro. 

Monumento à Inteligência: 
Construção de 1974, feito em granito com quatro faces, cada uma delas com uma escultura de bronze representando as artes, as letras, o teatro e o Brasão da Academia Valenciana.
Localização: Jardim de Cima.

Antigo Prédio da Prefeitura Municipal de Valença:
Construção de 1854, em estilo clássico, feita em pedra e cal, abriga o quadro em óleo sobre tela de D. Pedro II, datado de 1850 e mais 39 volumes dos livros de atas das sessões da Câmara Municipal de Valença desde o primeiro, que data de 1826. Foi reformada em 1986.
Localização: Jardim de Baixo / Praça XV de Novembro.

Prédio do Hotel Valenciano:
Construção de 1917, em estilo campestre-suíço, abriga uma choperia feita em mármore e madeira e uma bancada de barbeiro feita em mármore de Carrara, com dois espelhos emoldurados também em mármore. Encontra-se em funcionamento. 
Localização: Esquina das Ruas Dr. Figueiredo e Dr. Mário Castilho, em frente à Estação Rodoviária Princesa da Serra.

Solar dos Nogueira / Casarão da Cultura: 
Construção de 1855, feita para ser residência, abriga lojas comerciais no térreo e atividades culturais no andar superior. Foi reformado em 1987.
Localização: Praça da Bandeira, 174, Centro.

Prédio do Colégio Estadual Benjamin Guimarães: 
Construção de 1921, em estilo eclético.

Pavilhão Leoni: 
Construção de 1920, em estilo eclético com forte presença do Art-Noveau. O prédio destina-se a leilão e auditório da paróquia. 

Antigo Palacete do Visconde do Rio Preto: 
Construção de 1858, em estilo neoclássico, feito para servir de residência do Visconde do Rio Preto, fazendeiro de café. Mais tarde transformou-se em asilo para meninos pobres , o Lar José Fonseca. Atualmente sedia o Colégio Estadual Theodorico Fonseca.

Antiga Estação Ferroviária:
Localização: Distrito de Santa Isabel do Rio Preto.

Túnel do Antigo Leito Ferroviário:
Localização: Distrito de Santa Isabel do Rio Preto.

Casario Colonial: 
Construções do séc. XIX e início do XX, em estilo colonial, com bom estado de conservação. 
Localização: Distrito de Santa Isabel do Rio Preto e Distrito de Conservatória.

Ponte dos Arcos: 
Construção de 1877, feita em pedra, cal e óleo de baleia, pelos escravos. Tinha como objetivo escoar a produção de café do antigo Distrito de Santo Antônio do Rio Bonito, hoje Conservatória. Possui 100 m de extensão e 12 m de altura.  
Localização: Estrada que liga o Distrito de Conservatória ao Distrito de Santa Isabel, na localidade de Pedro Carlos.

Prédio da Escola Municipal Maria Medianeira - FEEM: 
Construção de 1858, em arquitetura térrea, com porão, e fachada principal com uma porta em folha dupla de madeira almofadada. 
Localização: Rua Monsenhor Pascoal Libreloto 307, Centro, próximo a Igreja de Santo Antônio, na Praça Getúlio Vargas, Distrito de Conservatória.

Túnel de Pedra / Túnel Que Chora / Túnel Maria Nossar: 
Construção de 1877, feita pelos escravos, toda em pedra, sem qualquer revestimento e com calçamento em pé-de-moleque, para que o trem da Ferrovia, que transportava a produção de café do antigo Distrito de Santo Antônio do Rio Bonito, hoje Conservatória, passasse. Possui 95 m de extensão, 5 m de largura e 3,5 m de altura. Uma nascente mais acima, na montanha, provoca uma chuva permanente no seu portal, o que deu origem a seu nome. Hoje destina-se à passagem de carros e pedestres.      
Localização: Rua das Flores, s/n°, Centro, Distrito de Conservatória.

Casa Chuvas de Verão: 
Construção de 1877, de arquitetura térrea, com porta em folha dupla de madeira na fachada. É uma residência particular.
Localização: Rua Dr. Luiz de Almeida Pinto, 41, Centro, Distrito de Conservatória.

Casa Desencontro: 
Construção de 1881. Destaca-se o trabalho em cristal da porta de entrada. É uma residência particular.
Localização: Rua Dr. Luiz de Almeida Pinto, 173, Centro, Distrito de Conservatória.

Casa Conselho:
Construção da década de 80, reproduz fielmente um sobrado do século passado. É uma propriedade particular.
Localização: Rua Dr. Luiz Pinto, 160, Centro, entre as casas Bom Dia Tristeza e Minha Dor, em frente à casa Chega de Saudade, Distrito de Conservatória.

Casa O Lenço Dela:
Construção de 1864, é uma propriedade particular.
Localização: Rua Pedro Gomes, 16/18, Centro, em frente à locomotiva 206 da RWV, entre as casas Quero Voltar a Ser Feliz e Saudade de Conservatória, Distrito de Conservatória.

Casa Por Causa de Você: 
Construção de 1840,com porta em folha dupla de madeira almofadada na fachada. É uma residência particular.   
Localização: Rua Oswaldo Fonseca, 378, Centro, Distrito de Conservatória.

Estação Rodoviária Dr. Jair Nóbrega / Prédio da Antiga Estação Ferroviária de Conservatória: 
Construção de 1883, feita com as pedras retiradas do Túnel que Chora, que estava sendo cavado por escravos, e com tijolos franceses. Em 1961, com a extinção do trem foi transformada em rodoviária.
Localização: Rua Pedro Gomes, 8, Centro, Distrito de Conservatória.  
Funcionamento: Diariamente das 6:00h às 21:00h.

Antiga Estação Ferroviária da Central do Brasil:
Localização: Distrito de Barão de Juparanã.

Colégio Estadual Theodorico Fonseca:
Construção de 1858, em estilo neoclássico, feita para servir de residência do Visconde do Rio Preto, um dos mais prósperos fazendeiros de café em Valença.

Prédio da Câmara Municipal de Valença:
Construção de 1854 a 1861.
Localização: Jardim de Baixo.

Casa “Pra Dizer Adeus”:
Construção de 1866.

Templos:

Igreja de São Sebastião do Rio Bonito: 
Construção de 1859, abriga a imagem de São Sebastião vinda de Portugal.Situa-se no alto de uma colina, oferece vista panorâmica do Distrito de Pentagna, da estrada RJ-147, da cachoeira e dos morros adjacentes.
Localização: Ladeira Sacristão Manoel Pereira s/nº, Distrito de Pentagna.

Catedral Igreja Matriz da Nossa Senhora da Glória: 
Construção de 1820, em estilo eclético mesclado com o colonial e neoclássico, situada no alto de uma ladeira, abriga o Museu Padre Manoel Gomes Leal e a imagem de Nossa Senhora da Glória em madeira policromada feita na Europa em 1866.
Localização: Praça Gomes Leal, 365, Centro - Tel: 2453-4248.
Funcionamento: 2ª feira à domingo das 6:30h às 18:00h.

Capela de Nossa Senhora das Mercês:
Construção de 1943, em estilo neogótico, abriga belos vitrais e esculturas. 
Localização: Rua D. André Arcoverde, 123, Centro - Tel: 2453-4045.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira das 7:30h às 10:00h e 15:00h às 17:00h.

Igreja de Nossa Senhora do Rosário: 
Construção de 1848, feita por escravos, foi demolida em 1920 e reconstruída em 1924 pela elite industrial valenciana, em estilo neogótico. Abriga a imagem de Nossa Senhora do Rosário, em madeira, que data do século XIX.
Localização: Rua Bernardo Viana, 120 - Tel: 2453-4288.

Igreja de Nossa Senhora do Patrocínio:
Construção de 1874, em estilo neogótico, abriga a imagem de Nossa Senhora do Patrocínio, em madeira, do séc. XIX. 
Localização: Às margens da estrada de ferro e do Rio Paraíba do Sul, próxima a Estação Ferroviária Barão de Juparanã - Tel: 2247-15131.

Igreja Matriz de Santo Antônio: 
Construção de 1839, após um incêndio foi substituída por nova Matriz, em estilo neoclássico, inaugurada em 1850. Obra de grande solidez, com largas paredes, que chegam a medir 1,6 m de espessura, feita em pedra e cal, em cujo interior se destacam adornos em forma de abacaxi, que suportam os lustres no corpo da nave. Abriga o Museu Sacro.
Localização: Praça Getúlio Vargas s/n°, Centro, Distrito de Conservatória - Tel: 2438-1316.
Funcionamento: Sábado, das 8:00h às 12:00h e das 14:00h às 16:00h, dom. das 8:00h às 12:00h e na 1ª sexta-feira do mês às 18:30h, horário de missa.

Igreja de Santa Therezinha do Menino Jesus:
Construção de 1935, em estilo gótico.
Localização: Distrito de Parapeúna.

Igreja Evangélica Presbiteriana: 
Construção de 1923, em estilo neogótico.
Localização: Rua Coronel Benjamin Guimarães, 181, Centro - Tel: 2453-4658.
Funcionamento: 3ª a 6ª feira das 8:00h às 11:30h e das 13:00h às 17:00h e dom. das 9:00h às 12:00h e das 19:00h às 20:30h. 

Igreja Matriz de Santa Isabel: 
Construção de 1852. 
Localização: Distrito de Santa Isabel do Rio Preto.

Praças:

Praça D. Pedro II: 
Conhecida como Jardim de Baixo, foi projetada pelo paisagista francês Glaziou, o mesmo que projetou a Quinta da Boa Vista no Rio de Janeiro.

Praça Visconde do Rio Preto / Jardim de Cima:
Praça projetada pelo paisagista francês Glaziou, é circundada por construções coloniais e alguns monumentos.

Praça da Bandeira:
Construção de 1923, em estilo francês, possui, ao centro, um chafariz todo em pedra e, ao seu redor, algumas construções históricas

Praça XV de Novembro / Jardim de Baixo:
Construção de 1884, em estilo inglês, projetada pelo paisagista francês Glaziou, possui um lago, um chafariz, vegetação exuberante e vários monumentos. É cercada de construções históricas.

Praça Paulo de Frontin:
Construção de 1914, em estilo inglês, tendo ao centro um monumento de granito com o Busto de Bronze do Dr. Paulo de Frontin.

Museus:

Museu da Santa Casa de Misericórdia: 
Acervo: Obras de arte dos benfeitores da irmandade da Santa Casa de Misericórdia e história médico hospitalar do Município. 
Localização:  Rua Coronel Leite Pinho, 105, Centro - Tel: 2453-1460.
Funcionamento : 2ª a 6ª feira das 8:00h às 12:00h e das 13:30h às 16:30h.

Museu da Catedral de Nossa Senhora da Glória / Museu Sacro:
Acervo: Arte sacra da região, com destaque para a pia batismal de 1809 em madeira, a custódia de prata de 1806, o sino que anunciou a abolição da escravatura, a primeira imagem da padroeira Nossa Senhora da Glória vinda de Portugal em 1817, vestimentas do 1º bispo da Cidade e a imagem de Santa Cecília em madeira policromada do séc. XIX.
Localização: Igreja de Nossa Senhora da Glória, Praça Gomes Leal, 365, Centro - Tel: 2453-4248.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira das 8:00h às 14:00h, sábado das 15:00h às 17:00h e aos domingos das 9:00h às 12:00h.

Museu Tenente Amaro / Museu Militar:
Acervo: Documentos, fotos e peças sobre a participação efetiva da Força Expedicionária Brasileira (FEB), em particular do Esquadrão Tem. Amaro na 2ª Guerra Mundial.
Localização: Rua Comendador Antônio Jannuzzi, 415.

Museu da Seresta: 
Museu particular instalado num casarão da segunda metade do século XIX feito para servir de residência.   
Acervo: Documentações relativas às serestas; retratos de seresteiros; memória das festividades da cidade; troféus, partituras do Hino das Serestas de Conservatória, mini busto de Paulo Tapajós, retratos de Guilherme de Brito e o registro das "plaquinhas" (as canções e seus compositores imortalizados em placas que são fixadas nas paredes das casas de Conservatória).  
Localização: Rua Oswaldo Fonseca, 99, Centro, Distrito de Conservatória.  
Funcionamento: Nos finais de semana abre às 15:00h, sem hora para fechar, com programação de serestas, no interior do museu.

Museu Vicente Celestino: 
Instalado numa construção da segunda metade do século XIX.
Acervo: Peças da obra e vida do casal Vicente Celestino (seresteiro e ator) e Gilda de Abreu (atriz da Atlântida); galeria dos imortais, com acervo de outros artistas; sala de pesquisa da MPB, com mais de duas mil fotos, recortes de jornais e revistas. 
Localização: Rua Os
waldo Fonseca, 63, Centro, Distrito de Conservatória - Tel: 2438-1134.
Funcionamento: 6ª feira e sábado das 9:00h às 3:00h e domingo das 9:00h às 17:00h.

Museu Sílvio Caldas, Gilberto Alves, Guilherme de Brito e Nelson Gonçalves: 
Acervo: Documentos, fotografias, discos e objetos pessoais de Sílvio Caldas, Guilherme de Brito, Gilberto Alves e Nelson Gonçalves.
Localização: Rua Dr. Luiz de Almeida Pinto, 44, Centro, Distrito de Conservatória - Tel: 2438-1134.
Funcionamento: 6ª feira das 13:00h às 23:00h, sáb. das 10:00h às 23:00h e dom. das 10:00h às 16:00h.

Museu da Faculdade de Odontologia:

Memorial Afro-Valenciano Padre João José da Rocha:
Acervo: Objetos da cultura negra em Valença, como utensílios de cozinha, religiosos e de tortura; instrumentos musicais e objetos de bambu.
Localização: Igreja do Rosário, Rua Bernardo Viana, 120 - Tel: 2453-4288.
Funcionamento: 3ª feira a sábado das 8:00h às 11:00h e das 13:00h às 16:00h e no 2ª domingo de cada mês das 9:00h às 12:00h.

Museu Sacro da Matriz de Santo Antônio:
Acervo: Peças sacras, castiçais de madeira do século XVIII e um estandarte do sagrado coração de Jesus, do século XIX, todo trabalhado em filigranas.
Localização: Getúlio Vargas, s/nº, Centro, Distrito de Conservatória - Tel: 2438-1316.
Funcionamento: Sábado, das 8:00h às 12:00h e de 14:00h às 16:00h e dom. das 8:00h às 12:00h.

Museu de Conservatória: 
Instalado na antiga estação ferroviária.

Centros Culturais:

Espaço Cultural Léa Pentagna:
Instalado na Casa Léa Pentagna, destina-se à exposição permanente do acervo da casa e de atividades culturais. Pertence à Fundação Cultural e Filantrópica Léa Pentagna.
Localização: Rua Vito Pentagna, 213, Bairro do Benfica, antigo Alto do Barcelos - Tel: 2453-4178.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira das 14:00h às 17:00h e sáb., dom. e feriados das 9:30h às 12:30h e das 14:00h às 17:00h.

Instituto Cultural Visconde do Rio Preto:

Casa de Cultura: 
Instalada numa construção de 1858, destina-se a recitais, exposições periódicas e permanentes. 
Localização: Rua Monsenhor Paschoal Librelloto, 307, Distrito de Conservatória - Tel: 9901-6771.
Funcionamento: 4ª a 6ª feira das 8:00h às 17:30h, sáb. das 9:00h às 19:00h e dom. das 9:00h às 14:00h.

Casarão da Cultura: 
Instalado no Solar dos Nogueira.
Localização: Praça da Bandeira, 174, Centro - Tel: 2453-2696.
Funcionamento: Diariamente das 12:00h às 20:00h.
 

Teatro Municipal Rosinha de Valença: 
Teatro com capacidade para 200 pessoas.
Localização: Rua Souza Nunes, 719, Centro - Tel: 2453-2696.

Sociedade Musical Progresso:

Fundação Cultural e Filantrópica Léa Pentagna: 
Fundação que promove, divulga e incentiva a cultura as artes e a filantropia em Valença.

Academia Valenciana de Letras: 
Inaugurada em 1949, possui pinturas, desenhos, talhas, esculturas, livros, brasões, retratos acadêmicos e louças.
Localização: Praça Visconde do Rio Preto, 74.

Faculdades:

FAA - Fundação Educacional Dom André Arcoverde:
Localização: Rua Sargento Vitor Hugo, 161 - Tel: 2453-1888. 

Bibliotecas:

Biblioteca Municipal Dom Pedro II : 
Inaugurada em 1874, está localizada no prédio da Academia Valenciana de Letras..
Acervo: 12.000 volumes e a coleção completa de Reveu des Deux Mondes, com 352 volumes, que pertenceu a Guizot e foi arrematada em um leilão de Paris.
Localização: Praça Visconde do Rio Preto, 74.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira das 8:00h às 18:00h.
 

Fazendas:

Fazenda Florença: 
Construção do século XIX, na época áurea do café, e restaurada em 1982. Exemplo de casa de fazenda de café.  
Acervo: Uma Table Des Titres du Digeste (Licoreiro do tempo da Lei Seca na França), quadros de José Maria de Almeida, mobiliário francês, em jacarandá e um armário em vinhático maciço. A fazenda hoje se dedica a produção de leite, agricultura de subsistência e pecuária.
Localização: Estrada da Cachoeira, 1.300, Distrito de Conservatória.

Fazenda Juréa: 
Construção do século XIX, apresenta um conjunto de edificações compostos de casa-sede, tulhas, capela e casas de colonos. A Fazenda Juréa  foi importante produtora de café da região. O Visconde de Tocantins, irmão de Duque de Caxias, foi o seu primeiro dono.  
Localização: Estrada da Fazenda Juréa, Distrito de Conservatória.

Fazenda Santa Bárbara: 
Construção do século XIX e restaurada no século XX. A Fazenda Santa Bárbara, situa-se às margens da Estrada da Fazenda Juréa, formando um conjunto de edificações que pode ser avistado da estrada. Foi grande produtora de café e sua sede ficava a poucos metros do leito da Rede Mineira de Viação, que escoava o café da região. Arquitetura da casa-sede é térrea, com porão baixo.  
Localização: Estrada da Fazenda Juréa, Distrito de Conservatória.

Fazenda São Fernando: 
Construção de 1815. Situada às margens do Rio Preto, possui casa-sede, engenho e outras edificações que foram a senzala, as tulhas e armazéns.
Acervo: Castiçais de prata antigos, mobiliário inglês e alemão, pia batismal feita artesanalmente em madeira e uma capela coma a imagem de São Francisco. 
Localização: Coronel Cardoso, Distrito de Conservatória.

Fazenda São José: 
Construção da metade do séc. XIX, foi reformada em 1967 e 1985. 
Acervo: Mobiliário antigo e a capela sob a invocação de São José. A Fazenda hoje destina-se à produção de gado de corte, de leite e criação de cavalos.
Localização: Estrada Veneza, Distrito de Conservatória.

Fazenda São Lourenço:  
Construção do século XIX, composta pela casa-sede, engenho, antigo armazém e prédio anexo à casa-sede, A disposição das edificações em torno do terreiro de café dão realce especial para a casa-sede. 
Acervo:  Armário de copa e camiseiro do ano de 1833 e o conjunto de 2 etageres e cristaleira conjugada com buffet, de 1816. A Fazenda, além de residência do atual proprietário, dedica-se a produção de leite e à agricultura.     
Localização: São Lourenço, Distrito de Conservatória.

Fazenda São Paulo: 
Construção do século XIX, localiza-se num vale, próximo às Fazendas São Fernando, São Luiz e São Francisco. Possui a casa-sede, o engenho e o armazém e à sua frente estão os terreiros de café. 
Acervo: Uma imagem de São Paulo, feita em talha de madeira. Atualmente destina-se à produção de café, tipo exportação, e pecuária.  
Localização: Coronel Cardoso, Distrito de Conservatória.

Fazenda Veneza: 
Construção do século XIX, sendo restaurada no século XX, situada num vale, abriga casa-sede, engenho e o terreiro de café. A Fazenda hoje dedica-se à criação de gado de corte, cultura de café e reflorestamento.    
Localização: Estrada Veneza, Distrito de Conservatória. 

Fazenda Santo Antonio do Paiol:
Construção de 1852, em estilo neoclássico, foi a segunda e a mais próspera fase daquele estabelecimento cafeeiro.Em 1969, foi doada à Congregação da Pequena Obra da Divina Providência D. Orioni. Atualmente, dedica- se a agricultura, pecuária e turismo cultural e funciona como residência religiosa.
Localização: RJ-145 (Valença - Barra do Piraí), 25.532, Bairro Esteves - Tel: 2453-6054.

Fazenda Campo Alegre:
Construção do séc. XIX, situada às margens do Rio das Flores, é uma propriedade particular.
Localização: Estrada da Fazenda Chacrinha, 5.651, Chacrinha - Tel: 2452-0565. 

Fazenda Pau D'Álho:
Construção do início do século XIX, em arquitetura colonial, é uma das mais antigas da região. Produzia além de café, muito milho, arroz, mandioca, feijão, carne de porco, além de madeira para construção, lã de carneiro e algodão. Nela encontra-se a Usina Hidrelétrica Vito Pentagna, no Rio das Flores. Conserva, ainda hoje, mobiliário e objetos do século XIX e XX.
Localização: Estrada RJ-145 (Valença - Rio das Flores) - Tel: 2453-3033.

Fazenda Santa Mônica / Solar Duque de Caxias:
Construção da segunda década do século XIX, era uma fazenda de café. Situada na margem esquerda do Rio Paraíba do Sul, foi o local onde faleceu o Duque de Caxias. Atualmente sedia o Campo Experimental da EMBRAPA e a casa-sede, o Solar Duque de Caxias, e o jardim, é administrada pelo Ministério do Exército através do 1º Esquadrão de Cavalaria Mecanizada de Valença. Tombada pelo IPHAN em 1973.
Localização: Embrapa-Rua Barão de Santa Mônica, Distrito de Barão de Juparanã - Tel: 2453-1888.

Fazenda Santa Rosa: 
Construção do início do século XIX, tornou-se famosa por sua tradicional produção de aguardente.Preserva o antigo terreiro de café e as instalações de beneficiamento. Atualmente, possui um engenho de cana com roda d'água e um alambique, em funcionamento, que podem ser visitados e onde pode ser degustada a Aguardente Santa Rosa. É uma propriedade particular.
Localização: Estrada RJ-145 (Valença - Rio das Flores), km 82 - Tel: 2453-4144.

Fazenda Vista Alegre: 
Construção de 1860, em estilo neoclássico, situada no alto de uma colina. Em 1869, destacou-se pelo dinamismo e pela inovação de métodos e tecnologias de produção e na vida social, que motivaram a visita do Conde D'Eu, em 1876. Atualmente dedica-se à pecuária leiteira, à produção dos laticínios Vista Alegre e as atividades de turismo cultural.
Localização: Estrada RJ-143 (Valença-Conservatória), km 3, Distrito de Barão de Juparanã - Tel: 2453-5116.

Fazenda Monte Scylene: 
Construção de 1886, pertencia à  Princesa Isabel e abrigava um internato de menores, o asilo agrícola Santa Isabel. Atualmente está sendo adaptada para transformar-se na primeira clínica pública de recuperação de dependentes químicos do interior do Estado.
Localização: Distrito de Barão de Juparanã.

Comunidade da Fazenda São José da Serra: 
Comunidade formada por descendentes de escravos que preservam várias cantigas e danças típicas como o jongo. 
Localização: Zona rural do Distrito de Santa Isabel do Rio Preto.

Fazenda São Francisco: 
Construção do século XIX, localizada às margens do Rio Preto,produz leite, milho, feijão e outros para subsistência. 
Localização: Cooperativa Santa Isabel do Rio Preto, Distrito de Santa Isabel.

Fazenda Vargas: 
Construção no início do século XIX, é uma propriedade particular.
Localização: Estrada do Vargas, 8.240, Vargas.






Busca no Site:
Busca por município:

© Copyright 2000-2013 - Brasil Channel - todos os direitos reservados por lei,  proibida a reprodução total ou parcial deste site.
LEI Nº 9.610/98 - DIREITOS AUTORAIS, LEI Nº 9.609/98 PROTEÇÃO DA PROPRIEDADE INTELECTUAL e LEI No 10.695 - Código de Processo Penal